Thiago Ribeiro exalta formação ofensiva e promete Santos sufocando o Palmeiras

Gazeta Press

Thiago Ribeiro acredita que time compactado ajuda na parte defensiva

Na contramão da preocupação demonstrada pelo técnico Oswaldo de Oliveira após os três gols que o Santos sofreu contra o Rio Claro, no último fim de semana, o atacante Thiago Ribeiro defendeu a escalação ofensiva adotada pelo Peixe nos últimos jogos - além dele, Gabriel, Geuvânio e Leandro Damião formam o quarteto ofensivo do Peixe. Na opinião do camisa 11, o Alvinegro não pode modificar a forma de atuar no clássico do próximo domingo, contra o Palmeiras, na Vila Belmiro.

"A gente vai jogar atacando, procurando fazer os gols. O Palmeiras tem uma grande equipe, mas o nosso estilo de jogo será o mesmo, apesar de ser um clássico. A gente tem uma maneira definida de jogar independentemente do adversário. Vamos jogar para cima, sufocando o Palmeiras", afirmou Thiago.

Insatisfeito com a marcação exercida pelos jogadores do ataque contra o Rio Claro, Oswaldo de Oliveira estaria cogitando a entrada do volante Alison no lugar de um dos atacantes.

"Temos jogado assim em todos os jogos e vem dando certo. Então não podemos mudar nossa maneira de jogar, (porque) nós só sabemos jogar assim. Temos esse DNA de jogar sempre buscando o gol, e a gente espera ter sucesso mais uma vez", disse Thiago Ribeiro.

O atacante acredita que o segredo para o sucesso da formação ofensiva está na compactação do time, que será decisiva para uma eventual vitória no clássico.

"Os atacantes são os que começam a marcação, aí entra o meio, até chegar à defesa. Em vários jogos conseguimos sufocar os adversários no campo de defesa deles, dificultando a saída de bola, mas, talvez, em um jogo ou outro, não conseguimos fazer isso, e quando o adversário consegue encontrar espaços para sair jogando, acaba estourando lá trás. Quando tomamos muito gols, a defesa é culpada. Se jogarmos de forma compacta, vamos ceder pouco espaço aos adversários e ter o controle do jogo", declarou.

Líder do Grupo C do Campeonato Paulista, com 33 pontos, o Santos precisará vencer o Palmeiras às 16 horas (de Brasília) deste domingo para terminar a primeira fase com a melhor campanha.

Fonte: ESPN

Leia também

  • sábado, 26 de julho de 2014
  • Terra

    Diante da Chape, goleiro Aranha completa 100 jogos pelo Santos

    O jogo contra a Chapecoense, neste sábado, é importante para o Santos se reaproximar do G-4 no Campeonato Brasileiro e se recuperar da derrota sofrida para o Fluminense na última rodada. Além disso, o confronto terá um gosto especial para o goleiro Aranha, que completará 100 jogos com a camisa do Peixe na partida das...

  • GazetaEsportiva.net

    Diante da Chape, goleiro Aranha completa 100 jogos pelo Santos

    O jogo contra a Chapecoense, neste sábado, é importante para o Santos se reaproximar do G-4 no Campeonato Brasileiro e se recuperar da derrota sofrida para o Fluminense na última rodada. Além disso, o confronto terá um gosto especial para o goleiro Aranha, que completará 100 jogos com a camisa do Peixe na partida das...

  • ESPN

    Invicto no ano na Vila Belmiro, Santos usa 'alçapão' para frear Chapecoense

    Apesar da derrota para o Fluminense, no Rio de Janeiro, no último domingo, o Santos não quer perder o embalo das três vitórias consecutivas anteriores ao jogo contra os cariocas...

  • sexta-feira, 25 de julho de 2014
  • GazetaEsportiva.net

    Vídeo: Thiago Ribeiro volta ao time titular após dois meses

    Com Leandro Damião fora da equipe principal, Thiago Ribeiro volta a equipe titular do Santos após dois meses de ausência.

  • GazetaEsportiva.net

    Santos usa Vila Belmiro como trunfo para buscar reação contra a Chape

    Apesar da derrota para o Fluminense, no Rio de Janeiro, no último domingo, o Peixe não quer perder o embalo das três vitórias consecutivas anteriores ao jogo contra os cariocas. Para isso, o time promete ir para cima da Chapecoense, a partir das 18h30 deste sábado, na Vila Belmiro. Aliás, o estádio Urbano Caldeira é...

Veja todas as notícias

Comentários